Médicos do Acre reforçam isolamento social e pedem multa para quem descumprir a quarentena


Compartilhe

O Sindicato dos Médicos do Estado do Acre (Sindmed-AC), o Conselho Regional de Medicina do Estado do Acre (CRM-AC) e a Associação dos Médicos do Acre (Amac) encaminharam ao governador do Acre, Gladson Cameli (PP), uma carta com recomendações de combate ao coronavírus.

Na carta, as entidades pedem que o Governador não flexibilize o isolamento social e reforça a necessidade de punir os empresários acreanos que descumprirem as determinações do decreto que regulamenta as medidas de contenção ao coronavírus.

Leia a carta:

Carta das entidades médicas

Aos Excelentíssimos

Governador do Estado do Acre, Sr. Gladson Cameli

Prefeitos e secretários municipais

Presidentes dos Poderes Legislativo e Judiciário

Procuradora-geral do Ministério Público do Estado

Devido ao agravamento da crise ocasionada pela pandemia por coronavírus (Covid-19), associado a falta de fiscalização efetiva do governo do Estado em garantir a quarentena e a baixa adesão por grande parte da população em atender a todas as recomendações de distanciamento social para conter a propagação do vírus, as entidades médicas reunidas voltam alertar para o possível colapso de todos os serviços de saúde e consequente crescimento exponencial de mortes.

Os membros do Sindicato dos Médicos do Estado do Acre (Sindmed-AC), o Conselho Regional de Medicina do Estado do Acre (CRM-AC) e a Associação dos Médicos do Acre (Amac) recomendam fortemente aos gestores do governo do Estado e prefeitos o endurecimento das medidas adotadas, como a obrigatoriedade do uso de máscara, a aplicação de multa em caso de descumprimento, a maior limitação ou até o fechamento de acesso à espaços públicos e estabelecimentos comerciais.

Com a evidente concentração de pessoas em plataformas do terminal urbano, e a constante imagem de filas quilométricas na frente de bancos, é fundamental que haja maior controle social, com penalidades severas, em caso de aglomeração em pontos de ônibus, punindo gestores e empresários que permitam o acúmulo de pessoas, com base na infração às normas sanitárias.

Caso não haja maior controle, será necessário o prolongamento da quarentena, resultando em um estrangulamento econômico de todos os setores e um colapso de todos os serviços, podendo existir um cenário nunca visto no Acre, como o enterro em covas coletivas de familiares, impedindo até mesmo qualquer ato de despedida dos entes queridos.

O momento é de cooperação, com o aumento do nível de transparência por parte dos gestores que têm se utilizado do dispositivo da dispensa de licitação para realização de gastos, sendo importante a publicação detalhada, em tempo real, em site acessível a toda a população com o objetivo de demonstrar idoneidade, zelo com o recurso público e respeito a toda a população.

Ainda se faz necessária a ampliação das campanhas de prevenção contra a Covid-19, buscando oferecer a população meios capazes de resolução de dúvidas via teleatendimento e de informação sobre o impacto da doença na vida de todos, além de abrir um fórum com os servidores da saúde para o nivelamento de todo o conhecimento capaz de evitar ou reduzir a possibilidade de contágio durante os plantões.

As entidades também pedem a toda a sociedade o apoio na fiscalização de todos os serviços públicos, com o encaminhamento de denúncias, além da criação de uma corrente solidária para a garantia de sobrevivência das pessoas mais afetadas economicamente pelas medidas de quarentena, buscando a criação de cadastros centralizados e que possam ser fiscalizados, com o apoio de entidades que já realizam o atendimento propondo o resgate da dignidade humana, buscando o efetivo apoio àqueles que realmente precisam de recursos capazes de superar as dificuldades impostas pela pandemia.

Rio Branco-AC, 1º de maio de 2020

Sindicato dos Médicos do Estado do Acre (Sindmed-AC)

Conselho Regional de Medicina do Estado do Acre (CRM-AC)

Associação dos Médicos do Acre (Amac)

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner