“Não seja como Regina Duarte”: diz deputado Daniel Zen para presidente da Fundação Elias Mansour

0
101

O deputado estadual Daniel Zen (PT), em sessão remota da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) nesta terça-feira (12), criticou durante o pequeno expediente a forma como o edital emergencial de apoio à cultura, intitulado ConectCultura, foi publicado pela Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM).

Segundo Zen, o edital está muito burocrático e não será suficiente para ajudar os artistas acreanos a enfrentar a crise de Covid-19, já que os bares e casa noturnas do Estado estão fechados. O deputado petista citou exemplos que só serão aceitas pessoas jurídicas e que não estejam recebendo o auxílio emergencial do governo federal. Zen reprovou também a atitude do presidente da FEM, Manoel Pedro, mais conhecido como Correinha que criticou duramente os artistas que reclamaram do edital.

“Meu grande amigo, Correinha, não faça como Regina Duarte, valorize os nossos artistas.”, disse o deputado.

O edital informa que serão selecionadas até duas pessoas jurídicas sem fins lucrativos, com propostas de até R$ 50 mil reais cada uma delas, que deverão publicitar, através de plataforma on-line, conteúdos que promovam as artes e a cultura, desenvolvidos por artistas, técnicos culturais e fazedores de cultura acreanos. As inscrições estão abertas desde o dia 30 de abril e vão até amanhã (13).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui