Após denúncia, Corregedoria deve avaliar se vídeos gravados por PMs no TikTok prejudica a imagem da instituição


Compartilhe

Durante a quarentena não foi incomum ver policiais militares fardados e com armas utilizando aplicativos de smartphone para gravar vídeos engraçados de dublagens e danças, as performances que divertiam algumas pessoas, por outro lado, rendeu polêmicas e críticas de outras que afirmam que essa não é postura que policiais deveriam tomar.

Pelo menos três militares do Acre foram parar na Corregedoria Geral da Polícia Militar por uso do aplicativo TikTok, segundo informações do Notícias da Hora, o mais recente foi o próprio comandante da instituição, o coronel Ulysses Araújo, que gravou um vídeo dançando e dublando a música Thriller de Michael Jackson.

Os vídeos estão espalhados no Facebook e em grupos de WhatsApp. A Corregedoria vai avaliar se a performance dos PMs prejudica a imagem da instituição por causa do uso da arma e da farda, já que o órgão é considerado rígido e conservador na estrutura de Estado.

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner