Policial Penal é encontrado morto com tiro na cabeça dentro da própria casa


Compartilhe

Um policial penal identificado como Antonio Charles Alves Damasceno, 41 anos, foi encontrado morto com um tiro na cabeça dentro da própria casa na noite desta quarta-feira (10). A polícia trabalha com a hipótese de suicídio.

O Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) divulgou nota de pesar pela morte do profissional:

NOTA DE PESAR

O presidente do Instituto de Administração Penitenciária do Estado do Acre informa, com pesar, o falecimento de Antonio Chales Alves Damasceno, 41 anos, na noite desta quarta-feira, 10, no município de Tarauacá.

Antonio Chales era servidor efetivo do Iapen, ocupante do cargo de policial penal, desde 2011 e exercia suas atribuições na Unidade Penitenciária Moacir Prado, em Tarauacá.

O Iapen perde um bravo guerreiro, cumpridor das normas internas e que sempre se empenhou com garra, ânimo e dedicação, motivando seus pares no trabalho por um sistema eficiente, capaz de garantir a segurança ao longo da execução das penas impostas aos detentos e promover a ressocialização destes.

Como instituição, amigos de trabalho, colegas de equipe e demais servidores se unem em oração por todos os familiares, rogando a Deus para que, em sua infinita misericórdia, dê o conforto necessários, e que encontrem nele a força para esse momento de tristeza e dor.

“Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida. Aquele que crê em mim, ainda que esteja morto, viverá. E todo aquele que vive e crê em mim, jamais morrerá.” João 11:25-26.

Rio Branco – AC, 10 de junho de 2020.

Arlenilson Cunha
Presidente do Iapen/AC

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira
Close Bitnami banner