Morre Sid Farney, ex-presidente da Fundação Garibaldi Brasil, vítima do coronavírus


Compartilhe

Morreu nesta quinta-feira (11) vítima da Covid-19, Sid Farney, que foi presidente da Fundação Garibaldi Brasil (FGB) em 2016 e atualmente era diretor de políticas culturais da fundação. Sid foi infectado em maio, mas acabou não resistindo e foi à óbito em uma das Unidades de Tratamento Intensivo do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into).

Muito conhecido no meio da cultura, amigos fizeram muitas homenagens nas redes sociais, o músico Dito Bruzugú, que é colunista do Correio 68, disse:

“Poxa, amigo. Por essa eu não esperava. Sua sensibilidade, sorrisos, carinho e competência farão muita falta à cultura da nossa capital. Você foi um agente necessário! Um transformador! Um guerreiro. Sua perda será sentida por todos que respiram cultura nesse município. Jamais esquecerei do ombro que você me ofereceu quando precisei. Meus sinceros desejos de conforto à família. Meus sentimentos. Amigo Sid Farney, descanse.”

O Partido dos Trabalhadores (PT), também divulgou uma nota de pesar pelo falecimento de Farney, leia na íntegra:

“NOTA DE PESAR

É com profunda tristeza que o Partido dos Trabalhadores (PT) recebe a notícia de falecimento do companheiro Sid Farney, mais uma vítima fatal da Covid-19.

Sid foi um grande companheiro e militante incansável na área da cultura e direitos humanos. No PT, coordenou o Setorial de Cultura, deixando sua contribuição como legado para todos nós.

Neste momento de dor, nos solidarizamos a família e amigos, em especial à esposa do nosso companheiro, Patricia Farias, e aos seus filhos: Erica, João e Gabriel .

Descanse esse em paz, Sid! O Partido dos Trabalhadores é eternamente grato por sua generosa contribuição e aguerrida militância.”

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira
Close Bitnami banner