BOMBA: Em áudio vazado, presidente do PSL chama Rocha de inimigo e mentiroso; ouça o áudio

0
90

O Correio 68 teve acesso a um áudio vazado nas redes sociais e supostamente atribuído ao presidente estadual do Partido Social Liberal (PSL), Pedro Valério, que foi enviado em um grupo no WhatsApp com pré-candidatos e presidentes municipais da sigla, o áudio faz duras críticas ao vice-governador do Acre, o major Wherles Rocha (PSDB).

No áudio, Valério começa agradecendo a Deus e comunica que o presidente nacional do partido, o deputado federal Luciano Bívar (PSL-PE) irá enviar ao Acre na próxima quarta-feira (1º), o segundo vice-presidente da sigla, o também deputado federal Júnior Bozzella (PSL-SP), para conhecer os pré-candidatos e diretórios municipais do PSL no Acre e conhecer a situação do partido para enviar “um raio-X” ao presidente Bívar sobre o que está acontecendo na disputa pela presidência do partido entre Valério e Major Rocha.

Major Rocha que chegou a anunciar em entrevista que tinha 90% de chances de assumir o partido, teria essa intenção para apoiar o candidato Minoru Kinpara (PSDB) para que ele tenha mais verbas e tempo de TV. Kinpara também vem sendo bastante criticado pela medida, já que é um candidato conhecido por vir da ala da esquerda acreana, tendo sido candidato a senador em 2018 pela Rede Sustentabilidade, de Marina Silva. Rocha foi duramente criticado por Valério no áudio.

Em um trecho, o presidente estadual do partido chegou a dizer: “Pra nós foi uma benção divina [a vinda de Bozzella ao Acre], por nós não termos nos acovardado, ter mantido a linha de independência e ter enfrentado este inimigo que quer nos destruir chamado Major Rocha, a medida que chegar alguém da comitiva nacional aqui, obrigatoriamente vai se encontrar com a verdade e a verdade prevalecerá”.

Valério continua o áudio dando um recado aos pré-candidatos e membros das diretorias municipais do PSL: “Comecem a arrumar a mochila para que todos estejam aqui [em Rio Branco] na quarta-feira para recepcionar Bozzella, com toda certeza depois da vinda dele, nos livraremos dessas mentiras apregoadas por esse Major Rocha ao nosso presidente Luciano Bívar”.

Segundo Valério, Júnior Bozzella teria ligado para ele informando que chegará na quarta-feira (1º) e cumprirá a agenda no Acre até sexta-feira (3).

Áudio vazado nas redes sociais e supostamente atribuído a Pedro Valério:

 

Entenda o caso

Em uma manobra política para ajudar a campanha do pré-candidato a prefeito de Rio Branco, Minoru Kinpara (PSDB), o vice governador Major Rocha tenta ir para o Partido Social Liberal (PSL), segundo o próprio Rocha, ele teria o aval do presidente nacional da sigla, Luciano Bívar.

Mas a medida não foi vista com bons olhos pelos pré-candidatos e diretórios do partido no Acre, em nota, representantes do partido em Rio Branco disseram que ser contra a chegada do vice-governador, o que poderia trazer “desdobramentos extremamente danosos à imagem do partido”.

O major, que esperava ter o apoio do governador Gladson Cameli (Progressistas) foi surpreendido ao ouvi-lo dizer que seu apoio seria para a atual prefeita de Rio Branco, Socorro Neri. Ignorando, inclusive, Tião Bocalom que é pré-candidato pelo próprio partido do governador.

 

Deixe uma resposta