Polícia Militar pede para que população denuncie o uso de cerol e linhas chilenas


Compartilhe

A Polícia Militar do Acre pede ajuda da população para que denunciem um inimigo que vem com uma brincadeira mas que pode degolar uma pessoa, a linha com cerol. Feita através da mistura de vidro triturado com cola para fixar em uma linha de soltar pepeta (como são chamadas as pipas no Acre), e com isso, cortar as linhas de outras pepetas de forma recreativa.

Acontece que após inúmeros acidentes envolvendo a prática, a PM iniciou uma campanha que busca conscientizar as pessoas que denunciem o uso de cerol e linha chilena, que assim como o cerol serve para cortar outras linhas, mas é feita industrialmente e seu poder de corte é tão elevado pois à linha original são adicionados pó de quartzo e óxido de alumínio.

 

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira
Close Bitnami banner