Padre Massimo pede desculpas ao Papa Francisco por fala de vereador; leia a publicação


Compartilhe

O padre Massimo Lombardi, da Diocese de Rio Branco, usou seu perfil no Facebook para pedir desculpas ao Papa Francisco pela fala do vereador N. Lima (DEM), que disse que o chefe do Vaticano havia “cancelado” a bíblia para criar um novo livro, o fato, logicamente, se trata de uma fake news que já foi desmentida por sites especializados.

“DESCULPE FRANCISCO se um vereador do Acre deu uma mancada tão feia hoje. Nós não acreditamos em FAKE NEWS e ficamos envergonhados por estarmos mal representados neste Município. Pedimos sua benção pelo que nos preocupa mais, que é a pandemia. Forte abraço.”

A fake news espalhada por N. Lima também foi criticada pelo vereador Rodrigo Forneck (PT), que usou sua conta no Twitter:

Fake news

A mentira que  o vereador N. Lima ajudou a disseminar se refere que o Papa Francisco, líder da igreja católica, teria ‘cancelado’ a bíblia para criar um novo livro, fake news que foi espalhada pelo Facebook nos últimos dias. A afirmação, obviamente, é mentirosa e foi esclarecida pelo site Aos Fatos.

O texto que fala sobre o cancelamento da Bíblia foi publicado originalmente no site humorístico There Is News.com em 2 de abril de 2018. A versão disponível no Facebook é uma tradução literal, mas que não cita a fonte. Logo no final do texto, o There Is News avisa que todo o conteúdo de suas postagens se trata de ficção. Há inclusive um link para uma área do site que explica que nada do que está ali corresponde à realidade.

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira
Close Bitnami banner