Gladson Cameli irá seguir no Progressistas e Bocalom pode dar adeus ao sonho de mais uma candidatura


Compartilhe

POLÍTICA – Após uma segunda-feira (20) conturbada em relação ao clima entre o governador Gladson Cameli e o Progressistas, muito se especulou sobre a saída do chefe do executivo acreano da sigla. Gladson que chegou a declarar que poderia deixar o partido foi convencido por uma ala a ficar e não irá mais enviar sua carta de desfiliação.

Após áudios vazados do presidente municipal do partido, Reginaldo Ferreira, chamando Gladson de “criança em corpo de homem”, muita reviravolta aconteceu, inclusive com a importante militância da Juventude Progressista mostrando apoio público ao governador.

Com Gladson continuando no partido, Tião Bocalom pode ver o sonho de mais uma candidatura ir por água abaixo, já que o governador deseja mesmo é colocar Ney Amorim em evidência, quem sabe até como vice de Socorro Neri (PSB), a quem já apalavrou apoio nas eleições deste ano.

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira
Close Bitnami banner
Bitnami