Após ter HC negado, advogado deixa defesa de Alan Lima: “sensação de dever cumprido”


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O criminalista Giliard Souza usou as redes sociais para informar que não é mais o advogado de Alan Lima, motorista do carro que fazia “racha” com Ícaro Pinto no momento do atropelamento de Jonhliane.

“Com muita honra e a sensação do dever cumprido até aqui, comunique que, a pedido, deixo a defesa técnica de Alan Araújo de Lima”, publicou.

Nesta segunda-feira (17) ainda na defesa de Alan Lima, o advogado Giliard Souza teve um pedido de habeas corpus negado pelo desembargador Samoel Evangelista, que arguiu não vislumbrar os elementos necessários para a concessão da medida. “Isto é, o ato coator deve decorrer de ilegalidade ou abuso de poder. Aliás, o Código de Processo Penal, no artigo 648, descreve as situações consideradas como coação ilegal”.

 

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner
Bitnami