Ministério Público da Bahia pede condenação de Ícaro; pena pode chegar até 8 anos de prisão


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O Ministério Público da Bahia, comarca onde Ícaro Pinto responde criminalmente por ter espancado um turista italiano identificado como Marco Belli, pediu a condenação do agressor, juntamente ao irmão Jonathans David da Silva Pinto e o primo Marcus Vinicius Gonçalves Pinto, pela crime de lesão corporal.

“Por todo o exposto e tudo quanto mais constante dos presentes autos, entendendo que restaram suficientemente provadas a autoria e materialidade delitiva, aguarda confiante esta Promotoria, sejam os acusados Ícaro José, Jonathans David e Marcus Vinícius condenados pela violação do art. 129, § 2º, inciso IV, do Código Penal, por ser medida da mais lídima e absoluta Justiça”, solicita o MP da Bahia.

Entenda o caso: Perfil de um jovem agressivo: Ícaro já espancou italiano em bar; homem teria apenas esbarrado nele

O espancamento ocorreu em junho de 2013 e a vítima afirma que nunca foi procurado pelos agressores. Ícaro e o irmão foram interrogados por carta precatória à época dos fatos.

“Pois bem, da acurada análise dos autos, dúvidas não pairam quanto à materialidade do delito imputado a Ícaro José, Jonathans David e Marcus Vinicius, tendo como vítima Marco Belli”, concluiu o promotor.

O processo está concluso para sentença e a decisão pode ser proferida a qualquer momento. Ícaro poderá ser condenado a uma pena de até 8 anos de prisão.

Leia também: MP abre prazo para defesa apresentar diploma de nível superior; preso no BOPE, Ícaro pode ir para o presídio

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner
Bitnami