Gladson Cameli garante apoio do Estado no processo democrático das Eleições 2020

0
48
Voiced by Amazon Polly

O governador Gladson Cameli participou na manhã desta terça-feira, 15, de uma reunião com o  juiz titular da 9ª Zona Eleitoral, Giordane Dourado, no Fórum Eleitoral de Rio Branco, para tratar do apoio institucional do Estado ao Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC) no processo de realização das eleições municipais de 2020.

Num ano atípico, devido principalmente ao cenário da pandemia de Covid-19, as eleições em 2020 tomam novos rumos, o que inclui a mudança das datas de votação, com o primeiro turno marcado para o dia 15 de novembro e o segundo para o dia 29 de novembro.

Governador e o juiz Giordane Dourado alinharam processos de trabalho para sucesso das eleições Foto: Marcos Vicentti/Secom

Giordane Dourado destacou que a visita de Gladson Cameli para tratativas de apoio ao trabalho do TRE já era bastante aguardada, sabendo do perfil democrático do governador e elogiando todo o plano de combate do Estado à pandemia de Covid-19.

Entre os principais assuntos debatidos estavam a disponibilidade de aeronaves e veículos do Estado para uso da Justiça Eleitoral no dia das eleições, tratativas de segurança pública nas zonas eleitorais e a implantação de protocolos de segurança sanitária com o objetivo de reduzir ao máximo a abstenção este ano, além de um combate implacável às fake news eleitorais.

“O cenário é atípico e isso traz toda uma mudança de planejamento e logística, sobretudo do ponto de vista sanitário e transporte, principalmente porque no Acre, em novembro, já chove muito. Então todas essas questões práticas e sensíveis ao processo eleitoral foram conversadas com o governador, que de modo muito republicano coloca a estrutura do Estado à disposição”, destacou o juiz.

Período eleitoral

Há meses, o governador Gladson Cameli tem adotado medidas específicas para evitar o uso da máquina pública de forma indevida nas Eleições 2020, como exigir com antecedência o afastamento de servidores que irão se candidatar, a proibição em ceder ou usar qualquer bem público em benefício de qualquer candidato, partido político ou coligação, além de proibir a cessão de servidores da administração pública ou o uso de seus serviços para fins políticos durante o horário de expediente.

Agora, ele reforça junto ao TRE-AC seu compromisso de fortalecimento ao Estado Democrático de Direito, respeitando todo o processo democrático e garantindo o apoio do poder Executivo estadual dentro da legalidade para que as Eleições 2020 sejam realizadas da forma mais tranquila possível.

“Estamos colocando a estrutura do que o Estado puder colaborar para o sucesso da condução das eleições este ano, da forma mais democrática possível, numa pauta onde eu, como governador, tenho dito que o poder Executivo irá fazer o seu papel, que é de não permitir interferências em candidatos A ou B, para que a população decida, como sempre fez, quem serão seus governantes”, destaca o governador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui