Polícia Federal cumpre mandados contra suspeitos de fraudar Auxílio Emergencial no Acre

0
102
Voiced by Amazon Polly

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta quinta-feira (15) em Cruzeiro do Sul, a Operação Ófelos, que visa combater fraudes relacionadas ao auxílio emergencial, foram cumpridos dois mandados de busca e apreensão.

A operação é uma estratégia integrada de atuação contra as fraudes ao auxílio emergencial (EIAFAE), da qual participam a Polícia Federal, o Ministério Público Federal (MPF) o Ministério da Cidadania (MCid), a Caixa, a Receita Federal, a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Tribunal de Contas da União (TCU), para identificar a ocorrência de fraudes massivas e desarticular a atuação de organizações criminosas.

Segundo a PF, as tentativas de cadastramentos irregulares são processados dentro de ferramentas estabelecidas pela Polícia Federal, identificar a atuação de organizações criminosas e conjuntos de fraudes estruturadas.

“O objetivo é desarticular ações que causam graves malefícios ao programa assistencial e, por consequência, atingem a toda a parcela da população que necessita dos valores”, dia a PF em nota.

Quem recebeu a parcela de forma irregular, deve devolver o dinheiro ou pode responder criminalmente pelo crime

“O nome da operação faz alusão a expressão grega “Ófelos”, que significa benefício em grego, haja vista que a dupla envolvida nos mandados eram os beneficiados de fraudes nos pagamentos de auxílio emergencial (Lei 13.982/2020), constantes da Base Nacional de Fraudes ao Auxílio Emergencial – BNFAE”, pontua a PF.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.