POLÊMICA

Após polêmica com vacinação de Amaral e Aloísio Chulapa, prefeitura defende: “o SUS é nacional”


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

Após polêmica envolvendo a vacinação contra a Covid-19 do ex-jogadores Amaral e Aloísio Chulapa, na última segunda-feira (28), a prefeitura de Rio Branco defendeu afirmando o “SUS é nacional”.

O caso gerou revolta nas redes sociais, principalmente após a prefeitura suspender a vacinação no domingo (27) devido a baixa quantidade de doses disponíveis. Amaral e Chulapa participaram de um jogo de futebol beneficente em Epitaciolândia durante o final de semana.

Para o secretário Municipal de Saúde, crime seria recusar vacinar ao cidadão brasileiro dentro do cronograma Nacional de Vacinação. “Os jogadores por sinal, como qualquer outra pessoa, entraram na fila e receberam as suas doses de vacina como é obrigação nossa ter vacinado a eles ou a outro brasileiro que esteja em trânsito pelo Acre, em especial, falamos pela capital”, finalizou.

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner
Bitnami