DEU RUIM

Cozinheiro é preso por reclamar de ter de cozinhar para Bolsonaro


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

Agentes federais prenderam na manhã da última quinta-feira (8), um funcionário do Hotel Spa do Vinho, em Bento Gonçalves (RS) por ter reclamado que teria que cozinhar para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Eduardo Lazzari, o cozinheiro, ao saber da presença de Bolsonaro, escreveu nas redes sociais: “Vou ter que cozinhar para este diabo ainda, que raiva”. Foi o que bastou para ser preso e o evento, no hotel, cancelado por razões de segurança.

Ele foi liberado horas depois e após ser suspenso por três dias pela dona do hotel, ele pediu desculpas públicas pela reclamação que fez nas redes sociais.

Na internet, o post do cozinheiro bombou. E, na Câmara, o deputado bolsonarista Bilbo Nunes (PSL-RG) subiu à tribuna para denunciar, com ar grave, uma “ameaça de morte a Bolsonaro”, atribuindo-a a “um numeroso grupo de pessoas”.

+1
0
+1
0
+1
0
+1
1
+1
0
+1
0

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner
Bitnami