CASO ANDRADE

Acusado de assassinar médico acreano na Bahia tem prisão preventiva decretada


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O médico Geraldo Freitas Junior, que confessou ter matado o colega de profissão, o acreano Andrade Lopes Santana, de 32 anos, na Bahia, teve a prisão preventiva decretada nesta nesta terça-feira (27). A informação foi confirmada pelo coordenador regional de polícia de Feira de Santana, delegado Roberto Leal, responsável pelas investigações do caso.

No dia 7 de julho, a polícia informou que as investigações apontaram que o suspeito agiu sozinho. O prazo para conclusão do inquérito era até o dia 25 de julho.

No dia 28 de junho, completou um mês que o corpo de Andrade Santana foi encontrado no Rio Jacuípe, em São Gonçalo dos Campos, preso a uma âncora. A polícia já tem algumas linhas de possíveis motivações para o crime. Entretanto, elas não foram reveladas para não atrapalhar o seguimento das investigações.

Geraldo Junior segue preso no Conjunto Penal de Feira de Santana. A prisão temporária do suspeito foi decretada em 28 de maio e prorrogada por mais 30 dias no dia 28 de junho.

>> LEIA MAIS:

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
FONTE: G1

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner
Bitnami