INVESTIGAÇÕES

Ignorando Ministério Público, Corregedor interfere em comissão que investiga Frank Lima


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O corregedor-geral de Rio Branco, Jorge Sobrinho, ignorou os questionamentos do Ministério Público do Acre ao prefeito Tião Bocalom sobre a conduta do secretário de Saúde, Frank Lima e, numa canetada só trocou um dos membros da Comissão Disciplinar. A medida é vista como mais uma interferência na investigação sobre o secretário.

O Ministério Público do Acre, por meio da 2º Promotoria Especializada de Defesa do Patrimônio Público e Fiscalização das Fundações e Entidades de Interesse Social, expediu recomendação para que Bocalom afaste, além e de Jorge Sobrinho, o secretário Frank Lima e a diretora de Gestão, Tatiana Mendes de Assis, considerada braço-direito de Lima.

A funcionária substituída é Marlene Campos dos Reis, nomeada pela ex-corregedora geral Janice Lima, que foi exonerada pelo prefeito após se negar, segundo ele, a atender ao pedido para arquivamente da investigação. Jorge Sobrinho nomeou para o lugar de Marlene, o servidor Gregório Dantas Mendes, sob a justificativa de um pedido de férias.

WhatsApp_Image_2021-09-01_at_10.28.22.jpeg

*Com informações do Notícias da Hora

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner
Bitnami