ESTELIONATO

No Acre, família cai em golpe e paga mais de R$ 80 mil para filho estudar medicina em universidade federal


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

Uma família do Acre foi vítima de um golpe aplicado por um casal que dizia vender acesso a vagas remanescentes em universidades públicas.

Segundo informações, a família chegou a pagar R$ 82 mil aos estelionatários para enviar dois filhos que já cursam medicina no Paraguai, para estudarem na Universidade Federal do Paraná (UFPR). Somente após o pagamento, a família percebeu que havia caído em um golpe.

Os acreanos foram apenas alguns das mais de 20 vítimas identificadas do casal Alaor da Cunha Filho e Nayara Pimassoni, que já foram presos em julho pela polícia do Rio de Janeiro, sob acusação de negociar vagas fictícias de medicina em vários estados. Eles cobravam de R$ 35 a R$ 150 mil por serviço.

Em informação divulgada pelo AcJornal, o delegado do caso alega que dificilmente a família conseguirá reaver o dinheiro:

“Quando foram presos, Alaor e Nayara moravam em uma casa luxuosa em uma área nobre na cidade de Campo dos Goytacazes, no Rio de Janeiro. Foram apreendidos veículos e outros bens, e suspeita-se que esse dinheiro, no futuro, pode servir para ressarcir as vítimas”.

+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner
Bitnami