VÍDEO

Na Escócia, Bocalom diz que defenderá “o ser humano em primeiro lugar” na conferência sobre o clima


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas), gravou um vídeo na manhã desta quarta-feira (3) dentro de um trem que saiu da capital da Escócia, Edimburgo, para a cidade de Glasgow, onde participará da Conferência da Organização das Noções Unidas (ONU) sobre o Clima, a COP-26.

No vídeo, Bocalom fala que vai palestrar na Conferência e adianta que vai defender que as pessoas “estejam em primeiro lugar”.

“Evidentemente como sempre defendi, o ser humano em primeiro lugar. Precisamos manter o ser humano na floresta, mas com qualidade de vida e não da forma como foi tratado até hoje. Precisamos educar o ser humano para que ele seja amigo do meio ambiente e não inimigo como sempre aconteceu.”

Bocalom chegou a protagonizar algumas polêmicas envolvendo a causa animal. Na campanha para prefeito, chegou a dizer que governaria para “gente e não macaco”, se referindo ao lema “Governo da Floresta”, adotado pelo Partido dos Trabalhadores (PT) durante o tempo em que ficou no governo.

Recentemente, ele voltou a minimizar a causa animal ao afirmar que “animais não são importantes” em uma reunião que visava tratar da questão de animais abandonados nas ruas da capital ocorrida no dia 30 de abril deste ano.

A declaração causou indignação de responsáveis por organizações da causa, como a advogada Vanessa Facundes, que além de ser presidente da Comissão de Defesa e Proteção dos Animais (CDPA) da Ordem dos Advogados do Brasil no Acre (OAB/AC), também comanda a Associação Patinha Carente.

Em seu perfil no Facebook, Facundes afirma que não foi convidada para a reunião, mas que ficou incrédula após ouvir declarações de Bocalom: “o prefeito afirmou que foi eleito para trabalhar pelo ser humano, que os animais não são importantes. Inclusive, exemplificou que se ver uma criança pedindo ajuda e um cachorro necessitado, ajudará a criança”, afirmando que um prefeito deveria ajudar ambos.

Bocalom foi a Escócia após aprovação da Câmara Municipal, que teve votos contrários apenas dos vereadores Emerson Jarude (MDB) e Michelle Melo (PDT).

LEIA TAMBÉM:

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner