E O BRASIL?

No dia em que deu a si mesmo medalha de mérito científico, Bolsonaro é ridicularizado por TV dos EUA


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a ser motivo de chacota na TV americana após confundir de nome de John Kerry com o ator e humorista Jim Carrey durante entrevista na Itália esta semana.

A confusão rendeu uma série de piadas do apresentador Stephen Colbert, do programa “The Late Show“, na CBS, que usou títulos de filmes de Carrey para criticar a política ambiental dos países na COP26 (conferencia climática da ONU que acontece Glasglow, na Escócia).

“Ele comentou com jornalistas sobre a importante reunião que teve com Jim Carrey. Muitas pessoas acham que ele quis dizer o enviado especial dos Estados Unidos para questões climáticas, John Kerry, mas eu acho que ele quis dizer Jim Carrey”, disse, em tom de deboche, Stephen Colbert.

O apresentador fez ainda uma série de trocadilhos com os nomes dos filmes em que o comediante atuou, ao mesmo tempo em que aproveitou para criticar o compromisso com a política ambiental dos países.

“Vários países prometeram reduzir suas emissões de carbono, mas eu digo ‘O Mentiroso’, para acreditar nisso você precisa ser ‘Debi e Loide’. Nem o ‘Todo Poderoso’ vai nos ajudar se nós não salvarmos a Terra do ‘Brilho Eterno”, disse o apresentador.

Discurso de Bolsonaro na ONU

No final de setembro, Bolsonaro já havia sido motivo de chacota no programa “The Tonight Show”, do apresentador Jimmy Fallon, pelo discurso de abertura da Assembleia-Geral da ONU, em Nova York.

Na ocasião Fallon disse: “O primeiro líder a falar e tratar da pandemia foi ninguém menos que o presidente não vacinado do Brasil, Jair Bolsonaro. É como participar de uma conferência de perda de peso e ouvir: por favor, deem as boas-vindas ao nosso primeiro palestrante, o coronel Sanders”, citando o fundador da rede de fast-food KFC.

Condecorou a si mesmo

A crítica da TV americana veio no mesmo dia em que Bolsonaro concedeu a si mesmo a Medalha de Ordem Nacional do Mérito Científico.

A medalha veio após o presidente propagar dezenas de declarações negacionistas contra a vacina anti-Covid e a comunidade científica. A auto-premiação inédita no país foi publicada nesta quinta-feira (4) no Diário Oficial (DOU) e oficializou o mandatário como grão-mestre. Esta é a primeira vez que a condecoração é destinada a um líder negacionista científico.

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner