CASO FRANK LIMA

Após afastamento por suposta interferência nas investigações de assédio contra Frank Lima, diretora de gestão da Semsa é exonerada por Bocalom


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (Progressistas), exonerou nesta quinta-feira (18), a diretora de Gestão da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Tatiana Mendes de Assis, afastada a pedido do Ministério Público (MPAC) que alegou ter ‘fortes indícios’ de que tenha tentado, de alguma maneira, atrapalhar as investigações que apura denúncias de assédio sexual contra o secretário Frank Lima, que também foi afastado.

Tatiana era tida como ‘braço-direito’ de Frank Lima e foi afastada no dia 2 de setembro com salário pago pela prefeitura. O afastamento chegou a ser prorrogado no dia 5 deste mês, até que a exoneração foi assinada.

No lugar de Tatiana Assis assume Maria Rosângela Rosa dos Santos, que já estava interinamente no cargo. Rosângela foi indicação do próprio prefeito Bocalom.

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner