DENÚNCIA

Igreja evangélica entra na mira do Ministério Público do Acre por poluição sonora


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O Ministério Público do Acre (MPAC) instaurou um inquérito civil para apurar uma denúncia de poluição sonora e falta de esgoto de uma igreja evangélica no bairro Várzea, em Cruzeiro do Sul.

O órgão recebeu denúncias de que os cultos religiosos são feitos com sons acima do barulho permitido. O barulho estaria incomodando os moradores que moram próximos do templo.

Além do barulho, a denúncia destaca ainda que existe no local o problema de escoamento da água de um banheiro que foi construído. Segundo a denúncia, a água ultrapassa o muro do vizinho quando chove.

“A veracidade da denúncia no que tange ao banheiro construído, como comprovado nos autos, consoante relatório técnico ambiental apresentado pelos técnicos em gestão ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente”, diz a portaria de abertura do inquérito.

A Promotoria de Justiça Especializada de Defesa do Meio Ambiente da Bacia Hidrográfica do Juruá determinou que fossem investigados os fatos noticiados e enviado ofício à Secretaria Municipal de Obras para que seja feita uma vistoria no local.

Foi solicitado também que o Corpo de Bombeiros faz uma vistoria no templo para checar se existe a segurança contra incêndio no local.

A reportagem não conseguiu contato com representantes da igreja evangélica.

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner