OLHA A DENGUE

No Acre, decreto determina que proprietários mantenham terrenos baldios limpos para evitar proliferação do Aedes aegypti


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

A prefeitura de Assis Brasil, município distante cerca de 345 km da capital Rio Branco, decretou que proprietários de terrenos baldios da cidade mantenham essas áreas limpas para evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti, responsável por doenças como dengue, zika e chikungunya.

Segundo o decreto, a multa é de até 15 Unidade Fiscal do Município (UFMAB), que corresponde a mais de R$ 43.

A publicação do decreto diz que a ‘administração municipal determinará a roçada e limpeza de terrenos baldios, através de Edital de Notificação, publicado em mural nos principais órgãos públicos do município e no Site Oficial da Prefeitura’.

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner