CANETADA

Gladson exonera polêmica diretora de ensino da Secretaria de Educação; veja quem assume


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O governador Gladson Cameli (Progressistas) assinou o decreto de exoneração de Denise Santos da diretoria de ensino da Secretaria Estadual de Educação, Cultura e Esportes (SEE), publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) nesta segunda-feira (6).

Denise vinha protagonizando algumas polêmicas na Secretaria, entre elas a ocorrida na apresentação da atual secretária, a ex-prefeita Socorro Neri, no dia 3 de julho, onde uma “lavagem de roupa suja” aconteceu entre a diretora de ensino e gestores das escolas, que se mostraram insatisfeitos com a manutenção de Denise no cargo.

“Lavagem de roupa” ocorreu após a retirada de Socorro Neri da reunião. Foto/Divulgação.

“Infelizmente o principal departamento que precisava ser alterado não foi”, disse na ocasião a diretora da Escola José Ribamar Batista (EJORB), Francicleia Barrozo.

Tida como “braço-direito” do ex-secretário Mauro Sérgio, Denise chegou a ter um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) aberto para apurar possíveis irregularidades cometidas por ela.

Mais recentemente – em novembro – Denise foi citada em um parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE) que condena ela e o ex-secretário Mauro Sérgio a devolverem R$ 416.086,08 aos cofres públicos por suposto superfaturamento encontrado na compra de livros.

No lugar de Denise, foi nomeada para o cargo a pedagoga Gleicicleia Gonçalves de Souza, que exerceu a função de diretora de ensino na Secretaria de Educação de Rio Branco (Seme) e detém total confiança de Socorro Neri. O trabalho em conjunto na Seme resultou na elevação da nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), levando Rio Branco ao ranking de segunda capital com melhor ensino básico de todo o Brasil.

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira
Close Bitnami banner