REDES SOCIAIS

Justiça nega pedido de Perpétua Almeida para excluir ofensa no Twitter


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

A deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB) teve um pedido de liminar para excluir um comentário ofensivo contra ela no Twitter negado pela desembargadora Carmen Bittencourt, da 1ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT).

A parlamentar entrou na Justiça após receber xingamentos em uma publicação em agosto de 2021.

Na decisão publicada nesta terça-feira (4), a magistrada escreveu que o comentário foi feito há pelo menos seis meses, o que afasta a urgência do caso. “Por conseguinte, não verifico no caso em análise a presença dos requisitos necessários ao deferimento da tutela recursal”, assinalou.

O usuário do Twitter chamou Perpétua de “canalha”, “defensora de assassino e ladrão” e disse que ela é “vergonha para o Acre”.

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira
Close Bitnami banner