JUSTIÇA

Loja Avenida em Rio Branco é condenada a pagar danos morais por não deixar criança usar banheiro


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

A Justiça condenou a loja de departamentos Avenida, em Rio Branco, a pagar R$ 3 mil de indenização à administradora Dayane Mello e ao filho dela, que atualmente tem 5 anos. Ela entrou com o processo contra a empresa porque, em janeiro do ano passado, pediu para que o filho usasse o banheiro da loja para fazer xixi, mas foi informada que ele não poderia ter acesso.

A 4ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco decidiu que a empresa deve pagar R$ 1,5 mil para a mãe e mais R$ 1,5 mil para o menino por entender que a situação gerou constrangimento.

“A prova contida nestes autos é suficiente a demonstrar que a ocorrência de ofensa a direitos teve origem do não acesso. Apesar da tese de defesa negar o ocorrido, em nenhum momento demonstrou a existência de banheiros acessíveis ao cliente, o qual por simples fotografia do ambiente interno seria confirmado”, diz trecho da sentença assinada pelo juiz Marcelo Carvalho.

*A informação é do G1

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner