BOCATOUR

Bocalom é investigado pelo Ministério Público por suposta irregularidade no recebimento de quase R$ 50 mil em diárias


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

O Ministério Público do Acre (MPAC) resolveu abrir um procedimento preparatório contra o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (PP), para apurar o suposto recebimento indevido de diárias.

Um levantamento feito pelo vereador Emerson Jarude (MDB) em dezembro do ano passado mostra que o prefeito recebeu um valor de pouco mais de R$ 48 mil por 12 viagens em seu primeiro ano de gestão.

A denúncia, que pode de caracterizar como improbidade administrativa, fez a promotora de justiça Laura Cristina de Almeida converter a investigação em procedimento preparatório.

A prefeitura afirmou por meio de sua assessoria que nenhuma das diárias recebidas por Bocalom foi irregular.

 

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira
Close Bitnami banner