DENÚNCIA

Animais apreendidos na Operação ‘Fake Bois’ estão morrendo por falta de comida, diz ativista


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

Os animais que foram apreendidos na Operação ‘Fake Bois’, que investigou um esquema que facilitava transporte ilegal de gado no Acre, estão morrendo de fome, é o que denuncia a advogada e ativista pela causa animal Vanessa Facundes.

Vanessa, que também é presidente da Organização Não-Governamental (ONG) Patinha Carente, disse que recebeu vídeos que mostram a situação dos animais e que muitos já até morreram.

“São gados que foram apreendidos pelo poder público, através do Idaf, órgão estadual de defesa agropecuária e florestal, e pasmem, estão passando fome há dias e dias. Muitos já morreram, como se pode ver, tem carcaças nas imagens, me dá um aperto no coração só de saber que os outros vivos viram as outras vidas apodrecerem, mortos de fome”, disse Vanessa.

Segundo informações do G1, o diretor técnico do Instituto de Defesa Animal e Florestal do Acre (Idaf), Jessé Monteiro, disse que os animais estão à disposição da Justiça desde a apreensão e que o Idaf atuou na ação apenas como “apoio técnico”. Segundo ele, os bois foram deixados na propriedade onde foram encontrados, após decisão judicial, e que estão sob responsabilidade de um fiel depositário.

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner