EDUCAÇÃO

Com estrutura comprometida, escola de Rio Branco não pode mais receber estudantes


Voiced by Amazon Polly
Compartilhe

Atualmente localizado na região do São Francisco, o prédio da Escola de Ensino Médio Clícia Gadelha não poderá mais receber seus estudantes e equipe escolar no início do novo ano letivo. Isso se deve ao comprometimento da estrutura, ocasionado por uma movimentação de terra, conforme apontam relatórios da engenharia da Secretaria de Estado de Educação, Cultura e Esportes (SEE).

Em visita ao espaço na manhã desta terça-feira, 15, a secretária da pasta, Socorro Neri, anunciou que a solução para não prejudicar o ano letivo é que todos os estudantes serão transferidos provisoriamente para um prédio que será alugado no Centro de Rio Branco, enquanto a escola passa pela reforma.

Também será disponibilizado pelo governo vale transporte ou transporte escolar para levar os alunos até a nova localização. “Estamos tratando toda a situação de forma transparente, em diálogo direto com a direção da escola e a comunidade, para que nenhum dos nossos alunos seja prejudicado neste processo. Desta forma, seguimos a orientação do governador Gladson Cameli de buscarmos fazer com que cada vez mais a Educação do Acre tenha condições adequadas para funcionamento”, destacou Neri.

Quanto à manutenção, a equipe de engenharia fará uma sondagem do terreno para saber qual tipo de estrutura será utilizada na recuperação.

“O terreno está em uma área de rastejo, que atualmente está tendo movimentação, o que compromete a estrutura do prédio. Estamos nos aprofundando em um estudo para assegurarmos que, com a reforma, os problemas apresentados sejam solucionados”, destacou o engenheiro da Divisão de Obras da SEE, Marcos Venício de Oliveira.

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.
Close Bitnami banner