NATUREZA

Tamanduá é flagrado ‘passeando’ por rua de Rio Branco


Um tamanduá-mirim foi flagrado na noite deste domingo (22/05) passeando pela Alameda Nápoli, rua que se localiza no bairro Jardim Europa, em Rio Branco.

A localidade fica próxima da Uninorte, tem poucas casas e também é cortado pelo Igarapé Amaro, o que possibilita que muita vida selvagem possam aparecer nas redondezas. Um morador da rua contou ao Correio 68 que não só tamanduás já foram vistos por lá, como também bicho-preguiça, guaxinim, uma família de capivara, jacaré e até jiboia com mais de 3 metros de comprimento.

Os tamanduá-mirim é uma das quatro espécies de tamanduás encontradas no Brasil, a exemplo também do tamanduá-bandeira. São inicialmente animais inofensivos, mas possuem – assim como as preguiças – garras grandes e fortes. Quando acuado, pode atacar o que considera ameaça e nessas condições, o ataque pode ser bastante perigoso.

A espécie não é tão facilmente encontrada na região amazônica e é considerada ameaçada de extinção, apesar de também ser encontrada em países como Venezuela. Sua população predominante reside na região do Pantanal.

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira