FOI OUVIDO

Sindicalista presta depoimento para polícia após comentário de cunho homofóbico contra Michelle Melo


O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil do Acre, José Aldemar Moura de Assis, mais conhecido como Dema, prestou depoimento na Delegacia do Tucumã na manhã desta sexta-feira (27) para dar explicações a respeito de um comentário de cunho homofóbico contra a vereadora Michelle Melo (PDT).

O caso aconteceu em março desse ano nas redes sociais. Dema publicou uma foto de Michelle com a legenda:

“Eleições estão chegando e eles começam a aparecer. Eu só voto em homem que gosta de mulher e mulher que gosta de homem”.

No entanto, em depoimento ao delegado Pedro Rezende, o sindicalista afirmou ser eleitor da deputada federal Jéssica Sales (MDB), que assim como a vereadora, também tem um relacionamento homoafetivo.

No depoimento, o sindicalista afirmou ainda que a publicação ocorreu “sem maldade” e em pronunciamento nas redes sociais negou ser homofóbico:

“Não sou homofóbico. Um comunicado para todas as pessoas de bem do meu querido estado do Acre, as humilhações que este trabalhador está sofrendo hoje. Eu sou uma pessoa do bem trabalho há 36 anos na construção civil e sempre defendendo os direitos individuais e coletivos, por essa razão jamais iria fazer algo contra a dignidade de alguém”, declarou.

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, professor de idiomas e assina o Blog do Siqueira