SÍNDROME GRIPAL

Educação de Rio Branco pede a pais que não levem crianças com sintomas de gripe para escola


A secretária de Educação de Rio Branco, Nabiha Bestene Koury, divulgou um comunicado nesta quinta-feira (9) orientando os pais e responsáveis a não levarem os filhos com sintomas gripais às escolas e creches da rede municipal de ensino. Além disso, a gestora recomendou o uso de máscara dentro das instituições.

A medida foi tomada para evitar o aumento de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) entre crianças no estado. Na quarta (8), a Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) confirmou que o Acre registrou quatro óbitos de crianças por síndrome respiratória somente nos oito primeiros dias de junho.

Segundo a pasta, a maioria dos casos que tem surgido nos últimos dias é de vírus sincicial respiratório (VSR). A preocupação da Saúde é com a rapidez da evolução dos quadros clínicos das crianças que se acometem da doença.

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.