CONDENADO

Assassino de Jorge das Flores é condenado a 20 anos de prisão; relembre o crime


A Vara de Delitos de Roubo e Extorsão da Comarca de Rio Branco condenou Juliano Salvador Leitão, de 27 anos, a 20 anos de prisão por ter matado o empresário Jorge de Souza Batista, o ‘Jorge das Flores’, de 65 anos.

O crime aconteceu na tarde do dia 5 de fevereiro. Imagens de câmeras de segurança mostraram que às 14h45, Jorge das Flores saiu do depósito e entrou na loja para atender um chamado de sua companheira, Letícia Costa, para cumprimentar um cliente. Ao chegar na loja, Jorge limpa as mãos, cumprimenta o cliente e ao voltar no balcão deixa um recado “por que você me chamou?” para a esposa. Após entregar o bilhete, ele retorna ao local em que estava. Três minutos depois, uma dupla chega de moto e um dos homens vai direto ao depósito, onde o empresário estava. Menos de um minuto depois, o primeiro disparo é ouvido. Passam apenas 8 segundos até o segundo disparo.


Leia também:
Morre aos 65 anos o empresário Jorge das Flores
Testemunhas afirmam que Jorge não reagiu e assaltante não pediu dinheiro antes de atirar
Vídeo mostra últimos momentos de Jorge das Flores antes de ser assassinado


Jorge chegou a ser encaminhado ao Pronto-Socorro de Rio Branco pelos próprios filhos, que presenciaram todo a ação, mas ele não resistiu aos ferimentos.

Juliano foi condenado pelo juiz Leandro Leri Gross a cumprir pena inicial em regime fechado e não terá direito a recorrer da decisão em liberdade. Em depoimento, Juliano chegou a apontar Igor Cavalcante de Souza, de 21 anos, como mandante do crime sob a promessa de receber R$ 100 mil. Ele afirmou ainda que roubou a carteira de Jorge na sequência, para comprovar que era o empresário. No entanto, Igor foi absolvido por falta de provas.

Post navigation

Anderson Siqueira

Editor-chefe, escritor, amante de meditação e da boa cozinha. Contato: andersonsiqueira.br@gmail.com