ELEIÇÕES 2022

Fiscais do PT são conduzidos pela Polícia Federal por suspeita de ‘boca de urna’


Dois fiscais do Partido dos Trabalhadores (PT) foram conduzidos à sede da Polícia Federal (PF) em Rio Branco após suspeita de “boca de urna”.

Os dois estavam em dois veículos diferentes, segundo o advogado que acompanhou a dupla, o deputado Daniel Zen, eles estavam em frente a uma escola quando policiais federais foram até o local averiguar os fatos.

Apesar da ocorrência, Zen afirma que os dois não fizeram boca de urna e apenas foram à delegacia para esclarecimentos.

Post navigation

Redação

O Correio 68 é um site de notícias fundado em 2020 que tem o compromisso de trazer tudo o que o acreano precisa saber para se manter bem informado.